Subscribe:

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Hinario CCB

Para compreender um pouco da história do livro de cânticos usado na Congregação Cristã é preciso olhar para a Assemblea Cristiana de Chicago, no início do século 20, pois entre os imigrantes italianos nos EUA, iniciou-se um grande avivamento, e surgiu a necessidade de se elaborar um livro de cânticos para a Igreja louvar a Deus.


Dentre muitos italianos que se tornaram líderes do movimento pentecostal italiano está Maximiliano Toseto, que além de sólida formação bíblica, possuía talento artístico para pintura, poesia e música. Pode ser considerado o hinógrafo do movimento pentecostal ítalo- americano. Em 1914 juntamente com Michel Palma e Luigi Terragnoli publica o primeiro hinário da igreja pentecostal ítalo-americana.



sábado, 23 de abril de 2011

Testemunhar na CCB

Testemunhar na CCB


Testemunhar na CCB é aproveitar um espaço nos culto, para contar obras, milagre e maravilhas que Deus operou. É um tempo de 20 minutos, vigiado de perto pelo ministro, para que não ultrapasse e nenhuma regra seja infringida.

Esta prática não foi criada por Francescon na CCB, mas já era costume do grupo de Giuseppe Beretta, quando se reuniam nas casas, em Chicago, e chamava-se testimonianza, palavra italiana que significa testemunho, prova. Tratava-se de provar que Deus estava operando no meio do grupo.

Na CC, o membro é orientado a se deixar guiar pelo Espírito Santo para poder levantar-se e ir à frente testemunhar, pois não se deseja que o ego apareça, mas apareça o operar de Deus.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Ensinamentos Incompletos

Tanto aqui neste blog como em outros sites, citamos muitas vezes os Tópicos de Ensinamentos, para tentar explicar alguns costumes e doutrinas da nossa igreja, e  no fórum  CCBSEMCENSURA vemos irmãos construir teses sobre o que está ou não está escrito nos Tópicos.

Devemos reconhecer que o debate de questões, em cima dos tópicos de Ensinamentos padece de uma grande falha, que alguns ainda não perceberam.

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Linguagem CCB

LINGUAGEM  CCB



No meio dos crentes evangélicos da Igreja Congregação Cristã no Brasil, é comum o uso de algumas palavras e expressões, que não são facilmente compreendidas por quem não pertence a esse meio.

Trata-se de um vocabulário já em uso há muitos anos e que serve como marca de identidade ainda em uso. Reuni neste post algumas delas.


COMUM

A igreja local que a pessoa habitualmente freqüenta, normalmente mais próxima da sua casa. Geralmente se pronuncia apenas a palavra comum, no lugar de comum congregação.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Vendendo para seus irmãos

Alguns evangélicos, resolvem dedicar-se á venda de produtos ou serviços, e não tem nada de errado nisso. Se temos gente vendendo roupas, alimentos, pacotes turísticos, etc é porque há mercado para estes e outros produtos.

Sendo o produto oferecido numa loja, a pessoa é livre para escolher entre o produto da loja do seu irmão de fé ou de outro, mas alguns vendedores usam da sua condição de irmão de fé para adentrar às casas e oferecer seus produtos. Neste caso, o crente muitas vezes compra algo apenas por constrangimento, por não ter coragem de dizer não, principalmente se o vendedor for alguém do ministério da igreja.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...