Subscribe:

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

AMAZING GRACE


Amazing Grace é provavelmente o hino cristão mais conhecido no mundo. A sua mensagem  é que o perdão e a redenção são possíveis, independente dos pecados que as pessoas cometem e que a alma pode ser salva do desespero, pela misericórdia de Deus.

Quem escreveu a poesia

O autor da letra do hino foi o inglês John Newton (1725-1807), um ex-comerciante de escravos, profano e descrente, que se converteu a Deus após sofrer um naufrágio no mar do Norte. Mais tarde, quando já havia casado e deixado o mar, Newton dedicou-se intensamente a estudar teologia e tornou-se um padre da Igreja da Inglaterra para atender a paróquia de Olney.

Junto com o amigo, o poeta Cowper, Newton publicou em 1779 um hinário chamado “Hinos de Olney”, o qual fez bastante sucesso. Amazing Grace fazia parte desta coleção e seu autor, que morreu em dezembro de 1807, pprovavelmente não imaginou que sua canção faria tanto sucesso. 

Amazing Grace no hinário original

Criação de Amazing Grace

Amazing Grace foi escrito no final de 1772 para ser  apresentada por Newton na reunião semanal da paróquia, no primeiro dia do ano. O nome do hino era  “1 Crônicas 17:16-17, Revisão  Fé e Expectativa”.  O nome Amazing Grace foi tirado da primeira linha da poesia. Escrito em primeira pessoa reflete um depoimento de Newton baseado na sua própria experiência de vida e conversão. Newton, provavelmente, refletia o quanto ele havia sido tão pecador e havia chegado tão longe, como um  ministro do evangelho, pela misericórdia de Deus. Nem todas as palavras atuais, porém, são atribuídas à Newton, pois outros autores fizeram acréscimos.

Após ser publicado, Amazing Grace logo apareceu em hinários de outras denominações e apesar de ter sido escrito na Inglaterra, ele se popularizou nos EUA. No século 19, o  movimento intitulado Segundo grande Despertar foi responsável por espalhar o hino Amazing Grace na América, através de grandes encontros  ao ar livre, enfocando ao pecador a necessidade de se arrepender e buscar a salvação em Jesus.  A canção cumpria um papel importante para fixar nos ouvintes o sermão que ouviam.

A música

Newton escreveu apenas a letra do hino. O hinário “Hinos de Olney” era apenas um livro de poesia, sem a parte musical, que viria de outros autores. Newton nunca ouviu o hino que criou, com a melodia que atualmente conhecemos. Entre 1779 e 1807 este hino apareceu em quatro coleções de hinos nos EUA, usando diversas melodias ao ser cantado.

Hinário Harmonia do Sul-New Britain
A origem da melodia atual de Amazing Grace é desconhecida. Segundo apurou o pesquisador S.Turner, duas melodias semelhantes foram adaptadas aos hinos Gallaher e St Mary e impressas pela primeira vez em 1829, no Hinário Harmonia Colombiana.As duas melodias são, provavelmente de origem escocesa ou do sul dos Esctadoa Unidos.

Com o nome de Harmony Grove, esta melodia surgiu em outros hinos a partir de 1830. Em 1835, Willian Walker fez alterações na melodia e deu-lhe o nome de New Britain. Walker publicou Amazing Grace com esta melodia, no seu livro Harmonia do Sul. Mais de 600 mil cópias deste livro foram vendidas, o que ajudou a popularizar a canção nos EUA.  Com esta melodia, AG foi impressa em dois hinários distribuídos ao exército americano durante a Guerra Civil, servindo também para divulgá-la e torná-la um ícone.

Divulgação

Amazing Grace é uma canção clássica nos países de língua anglo-americana e tornou-se conhecida  e executada em todo o mundo. Ela faz parte dos hinários de milhares de denominações e os processos de gravações em mídias, rádio, TV e cinema,  contribuíram para a grande divulgação da canção. Grandes artistas já gravaram AG, colocando-a na lista das mais tocadas. 

São incontáveis as situações onde ela é executada, desde o discurso do presidente, o sermão do pregador, funeral, lutas por direitos civis, casamentos, celulares, cerimônia olímpica, encontros religiosos, etc. Ao som de gaita escocesa, guitarra, piano, órgão, bandas diversas; a canção é tocada ou cantada por diversas culturas e credos. Apresentada em igrejas, concertos, clubes ou ao ar livre, este hino toca os corações daqueles que ouvem a sua melodia e ninguém sabe explicar de onde vem o poder desta música.

Dentre dezenas de gravações na internet, escolhi esta abaixo por mostrar a letra em inglês e português.

Partitura



CCB e Amazing Grace

Na internet, alguns trabalhos afirmam que o hino 168 do hinário da CCB é o Amazing Grace. Na minha opinião, não se trata da mesma canção, mas de um hino diferente com a mesma melodia.  O hino original, escrito na primeira pessoa, é um relato pessoal de um pecador contando como a  Graça de Deus o alcançou. Prevalece nele as emoções do ‘eu’. 

O hino 168 da CCB,  é um hino voltado para a oração, cantado na terceira pessoa, (oramos, prostramos).  Não há nada neste hino que lembre o relato pessoal de Amazing Grace. Amazing Grace fala do perdão ao pecador e até a terceira estrofe não cita Deus.  O hino 168 já começa falando do Redentor e de Deus. A melodia é a mesma mas a poesia é bem diferente, não se podendo nem falar sobre adaptação.  

Muitos pensam que o autor da melodia do 168 foi Edwin Excell. Na verdade, Edwin  Excell fez apenas um arranjo musical em cima da melodia do hino de Walker, chamado de New Britain, deixando-o mais bonito e gracioso. Basta ver no hinário CCB,  a abreviação de arranjo: “Arr. “.  Assim como Walker, ele melhorou a canção, de autoria desconhecida.

Letra 168

Em nome do nosso Redentor
Oramos a Ti,Ó Deus
Oh!vem com Teu calor, com Teu divino amor
Visita os filhos Teus

Com fé nos prostramos,ó Senhor
Em santa adoração
Queremos Te ouvir e Tua voz sentir
Oh!põe-nos em comunhão

Bendito és Tu ,ó Criador
Altissimo e Fiel
O céu Teu trono é,de Ti provém á fé
Ó Santo de Israel

Letra Amazing Grace

Maravilhosa graça! Como é doce o som
que salvou um pecador como eu!
Estava perdido uma vez, mas agora fui encontrado;
era cego, mas agora posso ver.

Essa graça ensinou meu coração a temer,
é a graça que alivia meus medos;
como é preciosa a graça que apareceu
no momento em que eu acreditei nela.

Terminados muitos perigos, labutas, e armadilhas,
eu estou voltando;
essa graça trouxe-me seguro até aqui,
e a graça conduzir-me-á para casa.

O senhor prometeu-me bondade,
sua palavra me dá esperança;
meu escudo e porção será,
enquanto minha vida existir.

Sim, quando esta carne e coração falharem,
e a vida mortal cessar,
eu possuirei, atravessando o véu,
uma vida da alegria e da paz.

Quando nós estivermos lá por dez mil anos,
brilhando como o sol,
não teremos menos dias para louvar a Deus
do que quando nós começamos.

fontes:
http://en.wikipedia.org/wiki/
http://www.mkheritage.co.uk

1 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns pelo artigo, tudo que eu estava procurando =)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...